formas-de-aumentar-a-produtividade-industrial

5 Formas de Aumentar a Produtividade Industrial! [GUIA]

Independentemente do setor industrial que você atue, existe uma regra que todos devem sempre seguir, a produtividade industrial. 

Essas duas palavras impactam na qualidade dos produtos e serviços. Além disso, constroem e mantêm os lucros dos negócios

Mas, afinal, como ter melhoria da produtividade na indústria? Vamos explicar neste conteúdo. 

Então, acompanhe os próximos tópicos e aproveite as dicas! 

Boa leitura! 

Produtividade Industrial: O Que É?

A produtividade industrial nada mais é do que aproveitar melhor os recursos disponíveis, como: equipamentos, mão-de-obra e matérias-primas para fazer mais em menos tempo. 

Uma observação muito importante: a produção deve aumentar, mas sem comprometer a qualidade dos produtos e serviços

Qual a Importância da Produtividade Industrial?

Agora que você já sabe o que é produtividade industrial, podemos entender a importância do conceito. 

É claro que o primeiro fator que vem à mente é a melhora da produção. Mas é importante saber que há, ainda, outros elementos essenciais. 

É possível criar padrões e processos que facilitem o dia a dia dos colaboradores. Isso também já gera muito mais motivação. 

Outro benefício é o melhor alinhamento entre as expectativas da indústria e as responsabilidades das equipes

Além disso, você consegue definir indicadores de sucesso para as atividades e, consequentemente, pode acompanhar cada tarefa de forma mais assertiva. 

Ou seja, não faltam grandes vantagens no que diz respeito à produtividade industrial, certo? 

Como Aumentar a Produtividade em uma Linha de Produção?

como-aumentar-a-produtividade-em-uma-linha-de-producao

Mas, afinal de contas, como otimizar a produtividade? Chegou a hora de esclarecer esse ponto. 

Dividimos a solução em alguns pilares, aproveite para conhecê-los!

Avalie o Fluxo de Produção 

Para começar, observe e faça uma avaliação sobre o fluxo de produção

Nesse momento, é comum que gestores e a diretoria da indústria já enxerguem gargalos a serem resolvidos. 

Vale ressaltar que todo o fluxo inicia no momento em que uma matéria-prima chega à indústria e só acaba quando o produto é colocado no mercado. 

Elimine Tempos Improdutivos 

Quando você observar o fluxo de produção, provavelmente, poderá identificar minutos e até horas em que os profissionais perdem tempo

O déficit, muitas vezes, é causado por problemas no próprio processo de trabalho. 

Treine os Colaboradores 

Seja para novos ou colaboradores com mais tempo de casa, os treinamentos são imprescindíveis. 

Afinal, é no momento de aprendizado que você dá clareza sobre o que é esperado de cada pessoa e, obviamente, mostra como otimizar o trabalho sem prejudicar a qualidade dos produtos

Sendo assim, não deixe de investir em workshops, cursos, palestras, etc. 

Crie Processos 

Os processos — o passo a passo das atividades — também podem somar à produtividade no trabalho

Não deixe de parar, pensar e definir os cuidados e, claro, deixá-los disponíveis de forma simples, clara e rápida. 

Só tome cuidado para não desenvolver processos complexos demais para o dia a dia.

Invista em Monitoramento Constante 

Vamos supor que uma máquina da indústria apresentou problema e, assim, a produção precisou parar. 

Então, como você resolve esse dilema? 

Na verdade, o ideal é prever os problemas por meio do monitoramento constante de maquinários e, também, das ações dos colaboradores. 

Assim, você evita imprevistos e consegue aumentar a produtividade industrial. 

Quais os Principais Fatores que Afetam a Produtividade nas Indústrias?        

São vários os motivos que podem comprometer a alta produtividade das indústrias, por exemplo: 

  • maquinários e equipamentos com baixa performance ou inoperantes; 
  • falta de faseamento das tarefas;
  • distrações em excesso dos colaboradores;
  • falta de clareza sobre processos das atividades; 
  • pouca sincronicidade entre as pessoas que compõem as equipes; 
  • falta de clareza sobre os objetivos da empresa;
  • ausência de metas; 
  • falta de formação e atualização por parte dos funcionários;
  • ambiente não saudável; 
  • entre outros. 

Como Calcular a Produtividade de Uma Indústria?

Depois que você identificou as lacunas e aplicou as melhorias, é preciso avaliar se houve aumento da produtividade. 

Sendo assim, confira quantos produtos, agora, são feitos em um determinado espaço de tempo — pode ser por minuto, hora, dia, etc. 

Fora isso, é preciso comparar o tempo de produção com o período de jornada dos trabalhadores. Por exemplo, se em uma hora, um funcionário faz até x peças, em oito horas, ele terá que fazer y unidades.

É claro que é preciso descontar os tempos de pausa (almoço e intervalos). 

Como o fato de aumentar a produtividade industrial não pode comprometer a qualidade dos produtos, avalie o resultado. 

Além disso, o nível de satisfação dos clientes. Nesse ponto, os feedbacks são sempre muito bem-vindos. 

Quais os Principais Indicadores de Produtividade Industrial?

quais-os-principais-indicadores-de-produtividade-industrial

Definir os KPIs (Key Performance Indicator), traduzidos como indicadores-chave de desempenho, te ajuda a avaliar a realidade do chão de fábrica. Será que ela está de acordo com os objetivos da empresa?

A fim de saber a resposta, avalie: 

  • quantidade de produtos produzidos em x tempo;
  • produtividade de cada funcionário por hora; 
  • período ocioso;
  • tempo médio de reparos dos produtos;
  • nível de satisfação dos clientes;
  • atingimento das metas. 

Como o Planejamento Estratégico Auxilia nos Resultados?

No processo de aumentar a produtividade industrial, a criação do planejamento estratégico ajuda bastante. 

Mas, afinal, do que consiste esse plano? 

O planejamento estratégico nada mais é do que um conjunto de desejos que a indústria tem para o futuro

Então, vamos supor que a empresa para qual você trabalha queira, daqui a dois anos, dobrar o número de produtos feitos e fazer a venda não só para uma parte do país, mas sim para o Brasil todo. 

Dessa forma, todos os objetivos vão para o plano estratégico e, mais do que isso, também é fundamental colocar quais ações serão utilizadas para chegar ao sucesso. 

Resumindo: o planejamento estratégico funciona como um mapa que leva até a satisfação da indústria. 

Conclusão

O bom desenvolvimento e expansão da indústria depende do nível de produção.

Por isso, avalie o dia a dia do chão de fábrica e, se for preciso, aumentar a produtividade industrial, estabeleça KPIs, planejamento estratégico e observe as atividades dos funcionários. 

Após as mudanças impostas, também fique atento a como os produtos estão saindo e, claro, ao  nível de contentamento dos clientes. 
No mais, não deixe de conhecer as soluções para os maquinários industriais da Antares Acoplamentos!

Sobre o autor:

Compartilhe este artigo:

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
Share on print
Share on email

Deixe uma resposta

Bem vindo
ao Blog Antares

Com sede em Caxias do Sul (RS), a Antares é um dos mais importantes fabricantes de acoplamentos no Brasil. Aqui você verá novidades da empresa e tendências no setor de Acoplamentos Flexíveis.

Cadastre-se para receber novidades do Blog Antares:

Leia também:

Fechar Menu