PCM: o que é, vantagens e importância em aplicar

01/11/2021
Acoplamentos
Lourenço Daudt

O PCM pode ser a chave para ter mais produtividade e diminuir os riscos de falhas na operação da sua empresa. Mas, você sabe do que se trata esse conceito? 

Podemos dizer que muitas empresas podem aplicar o PCM em sua rotina, mas o negligenciam por falta de preparação e conhecimento. 

Se você quer deixar de cometer este erro, e começar a colher os bons frutos que o PCM pode trazer para sua organização, este artigo é o lugar certo para começar.

A seguir, falaremos sobre o que é o PCM, suas vantagens, aplicações e importância. Venha aprender mais sobre o assunto com a gente! 

Saiba mais: Lean Manufacturing: o que é, como funciona + princípios básicos!

O que é PCM?

O Plano e Controle de Manutenção, ou PCM, pode ser conceituado como um conjunto de estratégias voltadas para a gestão de serviços de manutenção de uma empresa. 

Mais do que apenas “apagar incêndios” – literalmente, e figurativamente – o Plano e Controle de Manutenção ajuda empresas a determinarem áreas de melhorias antes que elas representem um problema para a produtividade ou segurança dos colaboradores. 

De modo geral, o objetivo do PCM é otimizar o calendário de manutenções preventivas, corretivas e preditivas, garantindo que a sua empresa tenha processos otimizados o tempo todo. 

Para que serve o Planejamento e Controle de Manutenção?

O PCM existe, em termos simples, para dar mais controle às empresas sobre o seu calendário de manutenções. Ele é especialmente útil para companhias do setor industrial, que lidam com maquinário em seu dia a dia. 

Em contextos como este, uma falha técnica pode representar dias, semanas ou meses de produtividade afetada – um cenário que pode ser facilmente prevenido se houver um cronograma de manutenções bem elaborado. 

Apesar disso, prevenir falhas não é o único objetivo do Planejamento e Controle de Manutenção. Ele também serve para reduzir custos de operação, garantindo que os equipamentos funcionem em sua máxima eficiência. 

As atribuições e responsabilidades do PCM

Um dos principais objetivos do PCM é criar um ritmo para que manutenções sejam feitas dentro de uma empresa, sem que elas atrapalhem o fluxo de trabalho dos colaboradores.

Para isso, o planejamento e a programação de atividades é um fator essencial. Sem eles, paradas não-programadas podem acontecer, atrapalhando a produtividade das máquinas e pessoas por trás de sua operação. 

Como você pode perceber, o  Planejamento e Controle de Manutenção é um sistema sofisticado, que também tem muitas responsabilidades dentro de uma empresa. Veja algumas delas aqui: 

  • Criar padrões de funcionamento que devem ser seguidos por todo o setor; 
  • Criar planos para prever e corrigir eventuais problemas; 
  • Fazer o gerenciamento de planos de inspeção;
  • Estar sempre à par das últimas tecnologias relacionadas à produtividade; 
  • Realizar uma análise de risco; 
  • Gerenciar custos relacionados à manutenção;
  • Definir metas e controlar indicadores de desempenho relacionados às atividades de manutenção.

pcm vantagens

Vantagens de utilizar o PCM:

Conheça, agora, algumas das principais vantagens de se utilizar um  Planejamento e Controle de Manutenção na sua empresa: 

Otimização de recursos

O PCM é capaz de ajudar empresas a manter os custos de manutenção corretiva e substituição de maquinário em baixa. Isso quer dizer que a companhia gasta menos, mas sem perder eficiência ou desempenho.

Redução das paradas

Como você sabe, paradas não programadas podem gerar uma situação saída dos pesadelos para empresas que trabalham com a produção em cronogramas apertados. 

Prejuízos financeiros, atrasos nas entregas e deterioração do relacionamento com clientes são alguns dos resultados relacionados à falta de manutenções preventivas e preditivas. 

Mais qualidade

Se equipamentos importantes não estão funcionando como deveriam, a qualidade do seu trabalho pode sofrer como consequência. Nesse contexto, pode ser difícil atender aos padrões de qualidade estabelecidos. 

Felizmente, com um Planejamento e Controle de Manutenção, você pode contar que o funcionamento de suas máquinas estará sempre otimizado, facilitando a produção de qualidade. 

Promove segurança

O Brasil lidera o ranking de acidentes de trabalho, com mais de 700 mil casos sendo registrados todos os anos, de acordo com dados divulgados pela  Previdência Social. E isso, não é nenhuma coincidência. 

Um dos principais recursos que o PCM oferece é o aumento da segurança nas operações, reduzindo acidentes que podem ser evitados. 

Quais os tipos de manutenção em que o PCM pode ser aplicado?

Você provavelmente já sabe que existem três principais tipos de manutenção: a corretiva, a preventiva e a preditiva. Todas têm o seu lugar dentro de uma organização, e todas podem fazer parte do Planejamento e Controle de Manutenção. Veja como agora: 

Manutenção corretiva

A manutenção corretiva é a mais custosa de todas, porque ela tem o objetivo de consertar equipamentos que já apresentaram falhas. Ela pode ser inserida no PCM nos primeiros estágios, mas o objetivo deste plano é focar nos outros dois tipos de manutenção. 

Manutenção preventiva

A manutenção preventiva, como o próprio nome sugere, visa prevenir o mau funcionamento dos equipamentos. Ela pode incluir a troca periódica de peças, ajustes na lubrificação, cuidados ao utilizar o equipamento, dentre outros cuidados. 

Manutenção preditiva

A manutenção preditiva, por sua vez, utiliza inteligência de dados para antecipar problemas futuros com eficiência, prevenindo-os antes mesmo de acontecer qualquer alteração no funcionamento da máquina. 

Essa costuma ser uma das formas mais efetivas de prevenir paradas e melhorar a produtividade. 

Por que é importante adotar o Planejamento e Controle de Manutenção?

Aplicar o PCM é importante pois previne paradas não programadas, aumenta a produtividade das equipes e ainda garante que a empresa gastará menos com manutenções corretivas e substituições de maquinário. 

Como aplicar o PCM, na prática?

Aqui vai uma checklist simples, com algumas práticas essenciais para tirar o Planejamento e Controle de Manutenção do papel: 

  • Elabore um cronograma realista;
  • Programe paradas periódicas;
  • Planeje quais os recursos usados no processo de manutenção;
  • Faça um acompanhamento constante das KPIs; 
  • Descreva o processo de manutenção minuciosamente em relatórios.

pcm na pratica

Conclusão

O Plano e Controle de Manutenção é um cuidado essencial para empresas de todos os setores, sendo especialmente importante para aquelas que dependem do funcionamento de máquinas e equipamentos para manter seus níveis de produtividade.

O intuito do PCM é criar uma rotina de manutenções preventivas e preditivas, a fim de evitar paradas não programadas e cortar custos desnecessários na manutenção de maquinário. 

Neste artigo, explicamos o que é PCM, sua importância e como ele se encaixa na rotina de empresas. Esperamos que este conteúdo tenha contribuído para o seu aprofundamento no assunto. 

Para saber mais, continue acompanhando nosso blog! 

Leia também: NCM: o que é, para que serve e onde consultar o código?

Sobre o autor:
Lourenço Daudt
Lourenço Daudt trabalha na engenharia de aplicação da Antares Acoplamentos. Há anos trabalha visitando fábricas e acompanhando de perto as dificuldades dos operadores no dia-a-dia.