Tipos de retentores: 3 principais, funções e características

03/01/2022
Acoplamentos
Lourenço Daudt

Feltro, couro e borracha – esses são apenas alguns dos materiais já utilizados para fabricação de retentores ao longo da história. Mas você conhece todos os tipos de retentores que existem hoje? 

Sua invenção é quase tão importante quanto a da roda, afinal, sem os retentores, os dispositivos não fariam um bom trabalho em manter a lubrificação de eixos, causando o mau funcionamento. 

Neste artigo, vamos falar sobre tipos de retentores, suas principais funções e características. Quer aprofundar os seus conhecimentos neste interessante tópico? Essa é a sua chance. 

A Antares Acoplamentos é uma pioneira na fabricação de acoplamentos industriais de qualidade superior. Visite nosso site agora para conhecer a linha de produtos.  

Tipos de retentores: afinal, o que são retentores?

Os retentores são peças vitais para o funcionamento de máquinas que têm peças móveis. Sua principal função é reter fluidos lubrificantes – como o óleo, ou a graxa – e garantir que a movimentação rotativa ocorra de forma ininterrupta. 

Além disso, os retentores também servem para impedir que impurezas – como areia e poeira, por exemplo – prejudiquem o funcionamento dessas conexões. 

Diversos tipos de retentores são capazes de resistir às mais extremas condições de temperatura e pressão, promovendo uma barreira física contra impurezas e possibilitando o funcionamento completo de conexões móveis. 

Qual a função do retentor?

É difícil delimitar apenas uma função para o retentor mas, em suma, ele é utilizado para promover o funcionamento correto de partes móveis dos mais variados tipos de máquinas. 

Eles podem ser encontrados em máquinas do dia a dia, como os carros, caminhões, motos e máquinas agrícolas. Além disso, retentores também podem ser encontrados em eletrodomésticos  e equipamentos industriais das mais variadas finalidades. 

Apesar de ser uma peça resistente, tipos de retentores diferentes requerem cuidados diferentes, principalmente quando falamos sobre a sua montagem. 

Durante o processo, é importante que sejam usadas as ferramentas corretas, assim como os procedimentos adequados para evitar avarias à superfície do elemento. 

Importância dos retentores

Agora que você já sabe o que são os retentores, provavelmente consegue entender com mais profundidade a extensão do seu papel dentro do funcionamento adequado de máquinas dos mais variados tipos. 

O retentor funciona, acima de tudo, como um elemento de vedação cuja principal função é reter fluidos lubrificantes e garantir que impurezas não entrem no caminho do bom funcionamento de partes móveis da máquina. 

Sem um retentor adequado, pode ser impossível garantir o funcionamento perfeito de determinados equipamentos, arriscando a sua integridade a longo prazo e diminuindo a sua vida útil. 

O uso de retentores bem conservados, de igual forma, é essencial para manter o funcionamento dentro dos padrões esperados. Sendo assim, esta é uma peça que precisa estar na lista de prioridade da manutenção preventiva e preditiva. 

Ao ser avariado, os retentores podem requerer que o funcionamento da máquina seja interrompido, causando problemas de produtividade no chão de fábrica.

tipos de retentores importancia

Tipos de retentores 

Existem, hoje, diversos tipos de retentores diferentes e a sua escolha é crucial para o bom funcionamento do sistema. Apesar disso, esta é uma decisão que deve ser tomada levando-se em consideração o seu local de funcionamento. 

Conheça agora alguns dos principais tipos de retentores que existem no mercado e entenda as suas aplicações: 

Retentor de válvula

O retentor de válvula é um tipo de retentor utilizado principalmente em motocicletas. Ele fica localizado estrategicamente no cabeçote, impedindo que os fluidos invadam a câmara de combustão.

Retentor de bengala

O retentor bengala é utilizado quando se deseja uma camada extra de proteção contra a perda de fluidos de lubrificação. 

Retentores industriais

Os retentores industriais são comuns em aplicações mais pesadas, como por exemplo as que podemos observar na indústria metalúrgica e de energia. Nessa categoria existem os retentores radiais, com diâmetros de eixo de até 203 milímetros.

Em todos estes tipos, algumas das borrachas utilizadas na vedação, são:

  • Silicone (MVQ);
  • Poliacrílica (ACM);
  • Nitrílica (NBR);
  • Fluorelastômero (FPM).

Aplicação de retentores: onde são utilizados os retentores?

Diferentes tipos de retentores podem ser aplicados em diferentes contextos mas, no geral, pode-se dizer que retentores são utilizados sempre que existem eixos rotativos em funcionamento. 

Ele é usado na vedação de fluidos lubrificantes e na proteção do sistema contra impurezas. Apesar disso, ele também pode ser usado na vedação de elementos pastosos, gasosos ou líquidos. 

Características dos retentores

Uma das principais características de retentores é a sua construção circular, que possui reforço metálico e um espaço de vedação especialmente designado para conter o avanço externo de fluidos de lubrificação. 

Entre as suas principais funções está a vedação adequada das juntas, estando presente nos mais diversos tipos de maquinários – desde os domésticos, até os equipamentos industriais. 

Em resumo, qualquer máquina que tem uma movimentação repetitiva, precisa de um retentor. 

Ainda que existam diferentes tipos de retentores, e cada um deles tenha particularidades quanto à sua construção, a maioria das peças têm as determinadas características: 

Vedação principal: uma parte que faz o contato direto com o eixo. Esse é o ponto mais sensível para vazamentos e, por isso, é reforçado para evitar o escape dos fluidos de lubrificação. 

Vedação auxiliar: a vedação auxiliar funciona como uma parte externa que assegura a vedação. Ela é conhecida como “lábio externo” e a sua principal função é impedir a entrada de resíduos. 

Mola: a principal função da mola é compensar a carga recebida pelo eixo e garantir o bom funcionamento. 

Carcaça: a carcaça é a estrutura externa, que pode ser feita de aço ou outro material resistente. Os materiais de revestimento variam de acordo com as necessidades de alojamento dentro das máquinas. 

A Antares Acoplamentos é uma pioneira na produção de acoplamentos industriais de qualidade. Visite o site para conhecer nossa linha completa.  

tipos de retentores conclusao

Conclusão

Neste artigo nós falamos sobre as diferentes categorias de retentores, suas funções e principais aplicações. 

Estas são peças essenciais para o funcionamento de muitos equipamentos industriais, sendo aplicadas também em máquinas do dia a dia, como os carros e eletrodomésticos. 

Esperamos que, após ler este artigo, você possa ter entendido mais sobre retentores e seu funcionamento. Para continuar aprendendo sobre o mundo do maquinário industrial, visite o blog da Antares Acoplamentos. 

Sobre o autor:
Lourenço Daudt
Lourenço Daudt trabalha na engenharia de aplicação da Antares Acoplamentos. Há anos trabalha visitando fábricas e acompanhando de perto as dificuldades dos operadores no dia-a-dia.