Manutenção de Máquinas Industriais: Como Podemos Ajudar a Reduzir?

31/03/2021
Feiras e eventos
Lourenço Daudt

O aumento da produtividade e o sucesso são os objetivos de muitas indústrias. Mas, para chegar ao topo, é extremamente necessário fazer a manutenção de máquinas industriais. 

Afinal, sem o excelente desempenho, produtos e insumos podem sair com defeitos ou, pior, nem chegar a ser desenvolvidos. 

Fora a saúde dos trabalhadores e o bem-estar da comunidade que também podem ficar em risco. 

Para evitar todos esses problemas, conheça as diversas formas de fazer a manutenção no chão de fábrica! 

Conheça a Linha Completa de Peças Industriais da Antares!

O Que É a Manutenção de Máquinas Industriais?

A manutenção de máquinas industriais é a correção e, também, a avaliação de peças e equipamentos antes mesmo deles apresentarem problemas. 

O tempo e o modo de inspeção podem variar e, fica a critério da indústria, qual padrão seguir.

Nos próximos parágrafos, vamos ver mais informações sobre isso. 

Como Deve Ser a Manutenção de Máquinas e Equipamentos na Indústria?

A manutenção de máquinas e equipamentos industriais depende de vários fatores. 

Para fazer esse trabalho, primeiramente, é importante que você tenha e analise o histórico dos maquinários. 

Ou seja: quando eles foram adquiridos, quanto produziam no começo e quanto produzem atualmente, se já apresentaram problemas e, se sim, quantas vezes, quais foram os dilemas, etc. 

A riqueza de informações ajuda a entender como tudo funciona e se as peças podem apresentar falhas maiores em breve. 

Outro “segredo” para fazer a manutenção é usar os indicadores-chave. São eles: 

  • OEE (Eficácia Geral do Equipamento): o método criado pelo Japan Institute of Plant Maintenance serve para mostrar a capacidade produtiva das máquinas em um determinado espaço de tempo;
  • TMEF (Tempo Médio entre Falhas): é a teoria usada para calcular o tempo de produção dividido pelo número de falhas das máquinas;
  • TMPR (Tempo Médio para Reparo): é a soma do tempo de reparo dividido pelo número de equipamentos analisados;
  • Confiabilidade: capacidade de um equipamento manter o padrão de qualidade esperado durante toda a sua vida. 

Quais São os Tipos de Manutenção Industrial?

Como vimos anteriormente, existem diferentes indicadores e cálculos para a manutenção de máquinas industriais. 

A utilização deles também varia conforme os tipos de inspeção. 

Veja qual é a melhor para aplicar no seu trabalho:

Manutenção Corretiva

A manutenção corretiva, também conhecida como de emergência, analisa o equipamento que apresentou falha ou quebra total imediatamente. Além disso, claro, realiza todos os reparos necessários. 

Manutenção Preventiva

A manutenção preventiva, como o próprio nome diz, é feita antes mesmo das máquinas apresentarem problemas. 

Vale destacar que esse modo antecipado de agir é o ideal, pois evita paralisações nas produções e, consequentemente, prejuízos. 

Sem contar nos possíveis problemas causados aos funcionários e até à comunidade externa. 

Já o tempo estipulado para a manutenção de prevenção é variável. Dá para fazer uma ou mais vezes dentro de um turno de trabalho, por exemplo. 

Manutenção Autônoma

Existe, também, uma subcategoria de manutenção preventiva, que é a manutenção autônoma. 

Nesse caso, o funcionário decide por conta própria fazer uma inspeção, por exemplo, verificar o nível de óleo.

Manutenção Preditiva

A terceira alternativa é a manutenção preditiva. Ela também é feita antes das máquinas quebrarem por completo. 

O modo verifica todos os desvios de padrão no funcionamento. Um exemplo disso: a quantidade de vibração de um motor. 

Em todo o caso, os profissionais monitoram toda a performance dos equipamentos, de uma forma a conseguir o risco 0 de falhas. 

Qual a Importância de Um Cronograma de Manutenção de Máquinas Industriais?

manutencao-de-maquinas-industriais-qual-a-importancia

O cronograma de inspeção e manutenção faz com que as máquinas sejam sempre avaliadas. Tudo conforme um intervalo de tempo específico e ideal. 

É claro que a agenda também serve para que os profissionais não esqueçam dos dias e horários exatos para a avaliação. 

Qual a Importância e as Vantagens do Setor de Manutenção Para a Indústria?

A manutenção de máquinas industriais é extremamente importante por várias razões. 

A primeira delas é a garantia de que a produção de insumos ou produtos seguirá sem problemas, o que também evita prejuízos por tempo parado. 

O cuidado também ajuda a aumentar o ciclo de vida dos equipamentos e máquinas. Excelente, não? Até porque ninguém deseja o prejuízo de precisar trocar os maquinários. 

Vale lembrar que toda a atenção faz parte dos cuidados com a saúde e bem-estar dos funcionários. 

Uma máquina pode, por exemplo, ter problemas em sua parte elétrica e acabar provocando um choque em um dos colaboradores. A manutenção evita isso e tantos outros casos. 

Muito além da proteção para a equipe interna, a inspeção dá segurança à comunidade externa e, até mesmo, ao meio ambiente. 

Em meio a isso tudo, a boa notícia é que, cada vez mais, o mercado industrial se supera. Você pode encontrar peças, equipamentos e máquinas que diminuem a quantidade necessária de manutenções. 

A alta tecnologia também facilita e otimiza o tempo de trabalho dos funcionários. 

Quanto Custa Não Fazer a Manutenção Adequada nas Máquinas Industriais?

O custo dos prejuízos é muito variável. Ele pode ser referente ao estrago de uma máquina — o que já custa bastante até danos para o mundo. 

Vamos citar um caso extremo para ter uma ideia. Você se lembra da catástrofe de Brumadinho – MG? 

Em 25 de janeiro de 2019, uma barragem com rejeitos rompeu da mineradora Vale. 

Isso fez com que 270 pessoas perdessem a vida. Além disso, boa parte da fauna e flora da região foi destruída. 

Um problema que, segundo especialistas, seria descartado com: monitoramento de todas as barragens, fora aumento do quadro de profissionais (geólogos e geotécnicos)

Para evitar problemas, sejam eles de menor ou maior grau, o melhor mesmo é realizar a manutenção industrial! 

Como a Antares Pode Ajudar a Sua Indústria com a Manutenção de Máquinas Industriais? 

manutencao-de-maquinas-industriais-antares-acoplamentos

A Antares Acoplamentos possui peças industriais de primeira qualidade. Um exemplo clássico são os acoplamentos que corrigem choques, desalinhamentos e vibrações. 

Aliás, um dos cases da empresa foi a criação de acoplamentos rígidos. A solução diminuiu o tempo de manutenção de uma indústria de cimento, localizada no interior do Rio Grande do Sul. 

Vale a pena conhecer um pouco mais sobre esse case na página da Antares Acoplamentos e, claro, adquirir as soluções para o seu caso! 

Conheça a Linha Completa de Peças Industriais da Antares!

Conclusão

Desta vez, vimos o quanto a manutenção de máquinas industriais é importante. 

Afinal, ela ajuda a aumentar a capacidade produtiva do setor, diminui desperdício de tempo e dinheiro com reparos e, ainda, garante proteção à saúde dos colaboradores e ao bem-estar da comunidade externa. 

Tenha tudo isso também com a Antares Acoplamentos!

Sobre o autor:
Lourenço Daudt
Lourenço Daudt trabalha na engenharia de aplicação da Antares Acoplamentos. Há anos trabalha visitando fábricas e acompanhando de perto as dificuldades dos operadores no dia-a-dia.